FANDOM


The Mortal Cup é o episódio de estréia de Shadowhunters: The Mortal Instruments.

Sinopse

Uma jovem percebe o quão misteriosa a cidade pode realmente ser quando ela descobre a verdade sobre seu passado na estréia da série Shadowhunters. Baseado na série de livros de fantasia best-seller para jovens-adultos, Os Instrumentos Mortais por Cassandra Clare, Shadowhunters segue Clary Fray, que descobre em seu aniversário que ela não é quem ela pensa que é, mas na verdade vem de uma longa linhagem de Caçadores de Sombras - híbridos de humanos com anjos que caçam demônios. Agora atirada no mundo da caça a demônios depois de sua mãe ser sequestrada, Clary deve contar com a ajuda do misterioso Jace e seus companheiros caçadores de sombras Isabelle e Alec para navegar neste novo mundo das sombras. Com seu melhor amigo Simon no reboque, Clary agora deve viver entre fadas, feiticeiros, vampiros e lobisomens para encontrar respostas que possam ajudá-la a encontrar sua mãe. Nada é o que parece, incluindo seu amigo íntimo da família Luke que sabe mais do que revela, bem como o feiticeiro enigmático Magnus Bane, que poderia ser a chave para desvendar o passado de Clary.

Créditos

Estrelando :

Estrelas Convidadas:

Clique Em 'Mostrar' Para Mais!
Co-estrelando:
  • Edie Inksetter como Professor Overton
  • Tennille Read como Professor Chaidez
  • Mel White
  • Sharon Forrester
  • Alex Yeuh
  • Michael Morrison

  • Ed Decter — escritor; produtor executivo; showrunner
  • McG — diretor; produtor executivo

Multimídia

Veja mais aqui

Imagens

Veja mais imagens promocionais aqui e capturas aqui

Vídeos

Veja mais aqui

Músicas

Uma lista de músicas conhecidas presentes neste episódio:

  • "Monsters" - Ruelle
  • "Don't Come Over" - Jess Penner
  • "Deez Nutz" - Extreme Music
  • "Forever Young" - Alphaville; cantada por Alberto Rosende e Shailene Garnett
  • "Love Disease" - Extreme Music
  • "Sweatin Out The Toxins" - Extreme Music
  • "Redose" - The Prototypes

Curiosidades

  • A fotografia principal para o episódio correu por 11 dias úteis,[1] a partir de 25 maio até 8 junho de 2015. [2][3][4]
  • As Cenas para este episódio foram filmadas em Toronto como um stand-in para a localização da série, Nova York. Alguns dos locais incluem:[5]
  • O Distrito Distillery - para a cena de abertura
  • O Grande Hall - para o conjunto de cenas de Clary na Academia de Artes do Brooklyn.
  • Lakeshore Blvd e estacionamento - cena do crime que Luke e a NYPD estão avaliando.
  • A casa de leilões - loja e apartamento de Jocelyn
  • Metropolitan United Church - o exterior do Instituto de Nova York.

  • A primeira exibição de The Mortal Cup foi vista por 1,82 milhões de espectadores e ficou no topo da lista de melhores estreias de séries na ABC Family/Freeform em mais de dois anos.[6]

Os seguintes elementos foram adaptados de Os Instrumentos Mortais:

  • Clary e Simon muitas vezes vão ao Java Jones.
  • Clary é uma artista. Simon ainda é um músico e bastante "geeky". Clary e Simon possuem um vínculo sobre coisas como romances gráficos.
  • Clary permanece alheia aos sentimentos de Simon por ela e, ironicamente, chama sua atenção por não perceber quando as meninas gostam dele.
  • Maureen tem uma queda por Simon.
  • Simon é judeu.
  • Dorothea vive no mesmo edifício que Jocelyn e Clary.
  • Luke pede para Jocelyn contar a ela sobre o mundo das sombras. Jocelyn tenta fazer Clary ficar e conversar com ela em seu aniversário antes que ela saia com Simon.
  • Clary (e Simon) acreditam que Clary não tem outros parentes.
  • A banda de Simon muda constantemente nomes.
  • A dinâmica de Jace e Alec permaneceu o mesmo: Alec o responsável, e Jace o imprudente.
  • O Clube Pandemônio: Clary e Simon decidem passar seu aniversário lá. Jace, Isabelle e Alec confrontam seus demônios alvo aqui.
  • Jace é surpreendido e fica curioso por Clary conseguir vê-lo, apesar de seu glamour. Quando Jace estava prestes a matar o demônio que eles seguiram até o clube, Clary interveio, pensando que o demônio era humano.
  • O Ciclo vai até Jocelyn em busca do Cálice, e ela bebe uma poção que a coloca em um sono profundo para escapar do interrogatório de Valentim.
  • Clary ouviu Luke mentir para os membros do Ciclo sobre não se preocupar com ela e Jocelyn -machucando-a e fazendo-a desconfiar de Luke.
  • Clary foi atacada por um demônio Ravener (ainda que diferente dos livros e só compartilha seu nome) deixado em seu apartamento depois de Jocelyn ser levada. Ela foi envenenada pelo demônio, marcada por Jace com uma iratze e levada de volta para o Instituto para se recuperar. Ela esteve desmaiada por alguns dias.
    • A cena deletada tem Clary dando um tapa em Jace por arriscar a chance de 10% de que ela poderia ter morrido por causa da marca se ela não fosse uma Caçadora de Sombras.
  • Isabelle empresta suas roupas a Clary.
  • A maioria das espécies e personalidades dos personagens (exceto por alguns como Dot e Maureen) permaneceu o mesmo.
Referências:
  • Para sua performance no Java Jones, Simon cantou "Forever Young". Ironicamente, mais tarde na série, Simon se torna um vampiro e temporariamente se torna imortal e teria vivido uma vida longa ("para sempre jovem", já que ele é jovem em ambos os livros e a série).

Referências

Esta página utiliza conteúdo de uma página da The Shadowhunters on Freeform Wiki.
A lista de autores pode ser vista no histórico da página.