FANDOM


Outra versão
ALERTA DE SPOILER: Detalhes do enredo a seguir. Aconselhamos atenção!
Posso ser vampiro, mas fui criado como um bom católico.

–Raphael, Bad Blood

Raphael Santiago é um vampiro e o líder do clã de vampiros do Brooklyn.

Biografia

Vida pregressa

Quando menino, Raphael foi criado como um religioso católico.[2][3] Ele era particularmente próximo de sua irmã mais nova, Rosa. Eventualmente, ele e sua família migraram da Cidade do México para os Estados Unidos.[4]

Quando Raphael foi transformado em um vampiro, ele se tornou viciado em se alimentar de mundanos. Ele então conheceu o feiticeiro Magnus Bane, que o ajudou a recuperar sua fé, em sua religião e em si mesmo.[3] Magnus já o tinha tomado sob suas asas e veio a vê-lo como um filho, comprometido em ajudá-lo e protegê-lo quando ele precisasse dele.[5]

Subida ao Poder

TMI102 Kidnap01

Fora da Cidade do Silêncio, Raphael fez barulho para distrair a Caçadora de Sombras Isabelle Lightwood para que seu companheiro pudesse pegar o amigo mundano dos Caçadores de Sombras, Simon de sua van. Com o retorno do grupo que estava com Simon, Raphael revelou-se e disse-lhes que eles iriam negociar o retorno seguro de Simon pelo Cálice Mortal.[6]

Raphael entregou Simon para Camille Belcourt conforme as instruções. Antes dela chegar, Simon desesperado atirou uma lâmina em Raphael, que mal o machucou. Ele questionou abertamente a decisão dela de romper os Acordos e potencialmente antagonizar a Clave quando Valentim Morgenstern representava uma ameaça muito real para eles. Camille ignorou suas advertências, e Raphael saiu, irritado das palhaçadas de Simon. Mais tarde, quando os Caçadores de Sombras chegaram para resgatar Simon, Raphael disse a Camille para escapar e secretamente ajudou Simon e os outros a fugir, dando a Jace Wayland um aviso ameaçador sobre quem eram seus inimigos.[7]

TMI108 Raphael & Simon 01

Uma noite, ele viu Simon espreitando em torno do Hotel Dumort e o assustou em uma tentativa de mantê-lo fora do radar de Camille.[8] Por Simon não dar atenção às suas advertências, Simon foi eventualmente morto por Camille. Raphael o levou para seus amigos no Instituto de Nova York e disse que eles teriam de transformar Simon naquela noite ou enfiar uma estaca em seu coração. Depois de apelar com sucesso aos seus companheiros vampiros que quebra constante dos Acordos por Camille só irá causar-lhes problemas, ele foi capaz de tirá-la do poder e assumir como o líder do clã. Mais tarde, ele ajudou Simon em sua transformação, prometendo a Clary e Jace que ele iria cuidar do novo vampiro.[2]

Aliança com os Nephilim

Quando Simon recusou a oferta de ajuda de Raphael, ele decide deixar Simon vir até ele quando ele estivesse pronto. Mais tarde naquela noite, Clary e Simon procuraram refúgio no hotel, concordando em deixá-los esconder da Clave em troca da cooperação de Simon — algo ele queria muito para que pudesse apresentar Simon como prova para os Nephilim que Camille tinha quebrado os Acordos. Ele manteve o par em uma gaiola e depois alimentou Simon com sangue para que ele não se alimentasse de Clary, embora ele o provocasse sobre considerar Clary como sua refeição.

Quando Jace e Isabelle chegaram para buscá-los, Clary convenceu Raphael e os outros vampiros a se juntar a ele e a matilha de Luke de Lobisomens no resgate do Seelie Meliorn. Embora inicialmente contra isto por causa da hostilidade entre seus povos, Raphael foi junto com eles quando Simon concordou em prometer lealdade a ele e, assim, participar do seu clã e permanecer no hotel. A missão de resgate correu bem e de acordo com o plano, e Raphael e os vampiros voltaram à sua base com Simon no reboque.[9]

TMI113promo Meet03

Quando os Caçadores de Sombras pediram para ver Camille, que Raphael tinha jogado em um caixão em um quarto fortemente vigiado no hotel, ele se recusou. Clary e Simon entraram e libertaram Camille. Quando Isabelle não conseguiu distrair Raphael, os dois foram pegos fazendo sua fuga com Camille. Ele disse a eles que a aliança havia acabado e que Simon estava fora do clã. Ele proclamou que Simon e Camille seriam executados por seus crimes contra o clã; ele estava prestes a mandar seus vampiros atacarem quando eles foram interrompidos por Isabelle, que criou um buraco na parede do hotel, deixando entrar uma barreira de luz solar que tornava difícil para Raphael e seus homens seguirem enquanto os outros partiam com Camille.[10]

Caçando Camille

Quando Reggie's foi descoberto ser um covil de vampiros, o novo chefe interino do Instituto de Nova York, Victor Aldertree, interrogou Simon. As respostas pouco claras do último fizeram-lhe parecer que Raphael estava envolvido e o colocou em apuros com o Clave. Raphael encontrou-se com Simon e exigiu que ele procurasse Camille – por ser responsável por sua fuga, e porque ele pode usar sua conexão com ela como sua progenitora - e devolvê-la a ele para que ela respondesse por seus resposta por seus crimes.[11] Raphael continuou a forçar Simon a procurar Camille, até o ponto em que ele ameaçou a vida de sua mãe, Elaine Lewis, para pressioná-lo ainda mais.[12]

TMI204 Raphael01

Um torturado Raphael diante da porta de Magnus.

Eventualmente, Aldertree "convidou" Raphael ao Instituto. Raphael foi preso a uma cadeira e torturado por Aldertree com um laser de raios UV concentrados para interrogatório. Embora ele tenha sido finalmente libertado — depois de dizer continuamente que não sabia onde Camille estava — Raphael estava muito enfraquecido e com cicatrizes, e ele foi direto para Magnus afim de conseguir ajuda. Magnus achava que, devido à conexão entre eles, a tortura de Raphael era em parte o castigo de Magnus por ajudar o fugitivo Jace.

Simon chegou enquanto Raphael estava sendo tratado, e Magnus impediu os dois de entrar em uma luta. Quando Simon mostrou a caixa que encontrou na residência de Camille na Índia, Raphael revelou-lhes que nela continha pó do túmulo de Camille — que poderia ser usado para invocá-la — e cortou a mão de Simon para usar seu sangue — que também continha o sangue de Camille — para abrir a caixa impenetrável. Magnus mais tarde os enviou a Catarina Loss como uma distração enquanto ele invocava Camille sozinho para que pudesse falar com ela primeiro, embora no fim ele tenha lhe enviado para a Clave.[5]

Isabelle

Quando Simon decidiu voltar com sua mãe para casa, ele se viu em apuros quando sua irmã jogou fora seu estoque de sangue. Simon chamou Raphael pedindo para lhe trazer um suprimento de sangue, o que era impossível porque havia sido durante o dia. Simon recorreu a beber o sangue de um rato e foi visto por sua mãe.[13] Raphael veio logo após e resolveu a situação limpando as memórias de sua mãe com um encanto. Ele avisou Simon que isso não poderia continuar acontecendo, e que ele estava colocando a si mesmo, sua família e vampiros em perigo.[14]

TMI208promo Izzy & Raphael 03

Quando Isabelle se tornou viciada em yin fen, Raphael a encontrou tentando pedir a alguns de seus membros do clã por veneno de vampiro e os parou a tempo de prejudicar Isabelle. Isabelle, que já estava sofrendo de abstinência, implorou a Raphael para mordê-lo. Embora ele se recusasse no início, ele finalmente cedeu. Quando os efeitos de seu sangue desapareceram, Isabelle encontrou-se com ele novamente e desta vez o convenceu a mordê-la ferindo-se. Depois, Raphael tentou convencê-la a parar de procurar o yin fen e passar pelo processo de limpeza, apesar da dor, para retirá-lo de seu sistema.[3] O sangue dos Caçadores de Sombras era muito viciante para os vampiros, mais do que o sangue mundano,[3] então quando Isabelle voltou para mais veneno, Raphael continuou a ceder e compeli-la, e a dupla também se aproximou.[1] Em um ponto, Raphael até levou Isabelle para ver sua irmã e última família restante, Rosa.[15]

Raphael foi convidado para uma reunião do Gabinete do Submundo por Luke, com os líderes das quatro facções do Submundo. Eles discutiram seu curso de ação, agora com o conhecimento da intenção de Valentim de usar a Espada da Alma para destruir todos os Submundanos, e que Clary seria capaz de ativá-la. Raphael concordou com Meliorn que Clary deveria ser morta.

Durante a reunião, Meliorn cheirou o perfume de Isabelle nele, fazendo com que sua conexão fosse conhecida por Magnus, que então contou a Alec. Enquanto ele estava se alimentando de Isabelle no Dumort, Alec entrou e começou a socar Raphael, apenas para ser parado por Magnus. Quando Raphael disse a Magnus como ele se sentia, Magnus mostrou que ele era apenas viciado em seu sangue. Isabelle voltou para ele depois de confrentar Alec.[1]

TMI210promo Magnus, Clary, Raphael, & Jace 01

Raphael aproveitou-se do distanciamento momentâneo de Isabelle de seu irmão e secretamente escondeu seu telefone, tornando-a inacessível durante as lutas de poder que ocorriam do lado de fora. Raphael pediu licença, depois do qual Isabelle encontrou seu telefone e saiu para ajudar Alec. Enquanto isso, Raphael seguiu com sua decisão de matar Clary, mas foi convencido pelos outros a se juntarem a eles no ataque ao Instituto e visando Valentim. Raphael levou os vampiros para o Instituto, mas o plano deles imediatamente saiu pela culatra porque Jace acidentalmente ativou a Espada, permitindo que Valentim manejasse a Espada contra eles. Raphael saiu a tempo, mas os que ficaram lá dentro, com a exceção de Simon, foram mortos.

Depois que Valentim foi capturado, e a Espada neutralizada, Raphael voltou ao Instituto para reunir os remanescentes de seu clã e checar Isabelle. Embora ela tenha gostado de vê-lo vivo, sua raiva por ser mantida no escuro prevaleceu e ela disse a ele que nunca mais queria algo dele.[16] Isabelle voltou algum tempo depois, sofrendo de uma intensa abstinência, e tentou encantar Raphael a ceder novamente. Raphael recusou, explicando que ele estava se recusando porque ele se importava com ela e dar a ela em primeiro lugar fez as coisas piores, fazendo com que Isabelle atacasse e quase o matasse em frustração. Raphael foi até a casa de Magnus para contar a Alec sobre Isabelle e deu-lhe o endereço para o covil mais próximo, caso ela tivesse ido procurar outra fonte.[17]

TMI214promo Sebastian e Raphael 01

Raphael, como representante dos vampiros da cidade, foi convidado para a reunião do Conselho do Submundo, convocada por Alec, o novo chefe do Instituto. Lá, ele foi recebido por Isabelle, que então havia se recuperado de sua abstinência e vício. A conversa deles foi interrompida por Sebastian. Ambos os homens estavam desconfiados um do outro: Raphael porque ele notou que Sebastian observava Isabelle como uma presa, e Sebastian imediatamente suspeitou que Raphael era a fonte de veneno de Isabelle. Sebastian o confrontou após a reunião, dizendo que ele sabia que Raphael ainda era viciado nela, e que se ele realmente se importasse, ele deveria ficar longe de Izzy.[18]

Diurno

Enquanto isso, chegou a Raphael a notícia de que Simon havia se tornado um Diurno. Quando ele foi até ele para perguntar como isso aconteceu, Simon disse a ele que ele não sabia,[17] mas Rafael não foi convencido. Quando Simon o procurou por ajuda – procurando ficar no Hotel Dumort durante a investigação sobre uma mundana, Heidi, que ele acreditava que poderia ter acidentalmente matado após se alimentar dela – Raphael se recusou a ajudar, a menos que ele compartilhasse como havia se tornado um Diurno.

Raphael acabou ajudando, porque o assunto ainda era negócio dos vampiros. Raphael descobriu que foi Daniel Quinn, um membro de seu clã, que matou a menina, e foi até o covil sanguíneo para pegá-lo. Quando ele chegou, Simon já tinha apunhalado e matado Quinn. Mais tarde, ele realizou um encanto em Ollie, a parceira detetive de Luke, a quem Simon se entregou, e fez com que ela esquecesse Simon, dizendo que o verdadeiro assassino era Daniel Quinn, mas que ele havia desaparecido, para nunca mais ser encontrado, para fazê-la encerrar o caso.[19]

Raphael não deixou Heidi para morrer, no entanto. Sabendo que ela provavelmente tinha o sangue de Simon, ele a levou do necrotério e a ajudou a se transformar.[4] Na esperança de encontrar uma maneira de se tornar um Diurno através de seu sangue, Raphael a manteve no Dumort. Além de treinar e aparentemente ajudá-la a se adaptar à sua nova vida, Raphael iria queimá-la com raios UV em uma série de experimentos,[20] mantendo-a sedada com uma raiz de dagget – um tranquilizante vampírico - adquirida de Magnus.[21] Suas experiências provaram ser fúteis e só enfureceram Heidi e a deixaram mais ansiosa para fugir e encontrar seu criador, Simon.[4][20]

TMI303 Rosa & Raphael 01
TMI303 Rosa & Raphael 02

A condição de Rosa, irmã de Raphael, piorou ao longo do tempo, até que, finalmente, depois de passar uma última noite com ela, relembrando seu curto tempo juntos, Rosa morreu. Ele ficou arrasado ao saber que não poderia comparecer a seu funeral – que seria realizado durante o dia – e atacou Simon, que tinha vindo pedir sua ajuda a respeito de uma marca colocada nele pela Rainha Seelie. Ele gritou com Simon por não lhe dizer como se tornar um Diurno, o que seria útil para seu atual dilema, e tentou atacá-lo em aborrecimento, apenas para ser empurrado para trás por uma força poderosa e invisível, deslocando seu ombro no processo – embora ele foi capaz de corrigir rapidamente isso.

Ele ligou para contar a Isabelle sobre a morte de Rosa, que veio para consolá-lo. Isabelle prometeu comparecer ao funeral de Rosa para ele. Raphael ficou agradecido, e os dois compartilharam um momento, antes que a tentação quase assumisse novamente, e os dois se afastaram um do outro, Raphael incitando Isabelle a sair. Isabelle saiu, mas não antes de dizer a ele para pedir ajuda quando ele precisasse.

TMI304 Raphael on rooftop 01

Enquanto Raphael estava fora, Heidi conseguiu escapar.[4] Heidi se rebelou e se alimentou diretamente de um mundano, fazendo uma cena que fez com que tanto a polícia mundana quanto os Caçadores de Sombras se envolvessem. Raphael foi até a casa de barcos de Simon, corretamente esperando que Heidi eventualmente fosse lá, e pretendia matar Heidi. Heidi lutou com ele e o superou, no entanto, e ele foi nocauteado com uma dose de raiz de dagget. Em vingança por seus experimentos, Heidi levou Raphael para um telhado e acorrentou-o para ser queimado pelo sol nascente. Os pedidos de Raphael não comoveram Heidi que logo o deixou. Felizmente, quando o sol nasceu e começou a queimar seu pé, seus gritos foram ouvidos por Isabelle e Clary, que estavam acompanhando o mundano que Heidi transformou. Elas o libertaram de suas correntes.

Raphael alegou estar atrás da vampira rebelde e fingiu ignorância sobre quem ela era. Ele imediatamente retornou ao Dumort, planejando destruir qualquer traço de Heidi escondido lá, mas foi pego por Isabelle. Ela expressou sua decepção por ele e disse a ele que não o denunciaria à Clave contanto que ele deixasse a cidade.[20]

Personalidade

Raphael é elegante, ambicioso e esperto. Ele também está sempre bem vestido, tipicamente em um terno limpo.

Apesar de sua falta de interesse em relações sexuais, ele ainda experimenta sentimentos românticos e acha que vale a pena segui-los. Enquanto frio para a maioria, ele pode se mostrar caloroso e cuidar das pessoas que quebram suas barreiras emocionais.

A família é algo que significa muito para ele, e, enquanto ele não é incapaz de ameaçar a família de outra pessoa para que ela se comporte da maneira que ele gostaria, ele não tem tolerância para quem usa seus últimos familiares restantes contra ele. Raphael ainda se importa com sua irmã mais nova, fazendo jantar para ela e passando o tempo com ela em sua velhice. Ele também cuida de Magnus e tem um grande respeito por ele. Quando ferido, no entanto, ele vai para Magnus antes de retornar ao seu clã. Ele também considera seu clã de vampiros sua família e iria ao extremo para mantê-los seguros.

Raphael ainda tem fé e sua religião faz parte de quem ele é, mesmo como um vampiro.

Competências e Habilidades

  • Encanto: Raphael, como um vampiro, é capaz de hipnotizar mundanos.
  • Força sobre-humana: Raphael é consideravelmente forte, capaz de lutar até mesmo com Caçadores de Sombras.
  • Velocidade sobre-humana: Raphael pode correr a velocidades comparáveis aos Caçadores de Sombras. Seus reflexos são igualmente elevados.
  • Imortalidade: Como um vampiro, Raphael é imortal. No entanto, isso não faz dele invencível; ele é, de fato, propenso a morte pela luz solar e fogo, entre outros.
  • Bilíngue: Raphael fala fluentemente inglês e é mostrado falando espanhol também.

Aparições

Aparições da Primeira Temporada: 7/13
The Mortal Cup:
Ausente
The Descent Into Hell Isn't Easy:
Aparece
Dead Man's Party:
Aparece
Raising Hell:
Ausente
Moo Shu to Go:
Aparece
Of Men and Angels:
Ausente
Major Arcana:
Somente mencionado(a)
Bad Blood:
Aparece
Rise Up:
Aparece
This World Inverted:
Somente mencionado(a)
Blood Calls To Blood:
Aparece
Malec:
Somente mencionado(a)
Morning Star:
Aparece
Aparições da Segunda Temporada: 13/20
This Guilty Blood:
Ausente
A Door Into the Dark:
Aparece
Parabatai Lost:
Aparece
Day of Wrath:
Aparece
Dust and Shadows:
Somente mencionado(a)
Iron Sisters:
Aparece
How Are Thou Fallen:
Ausente
Love is a Devil
Aparece
Bound by Blood:
Aparece
By the Light of Dawn:
Aparece
Mea Maxima Culpa:
Aparece
You Are Not Your Own:
Aparece
Those of Demon Blood:
Aparece
The Fair Folk:
Aparece
A Problem of Memory:
Aparece
Day of Atonement:
Ausente
A Dark Reflection:
Ausente
Awake, Arise, or...:
Ausente
Hail and Farewell:
Aparece
Beside Still Water:
Somente mencionado(a)
Aparições da Terceira Temporada (3A): 3/10
On Infernal Ground:
Aparece
The Powers That Be:
Ausente
What Lies Beneath:
Aparece
Thy Soul Instructed:
Aparece
Stronger Than Heaven:
Somente mencionado(a)
A Window Into an...:
Somente mencionado(a)
Salt in the Wound:
Ausente
A Heart of Darkness:
Ausente
Familia Ante Omnia:
Ausente
Erchomai:
Somente mencionado(a)

Curiosidades

  • Raphael é assexual.[16]

Referências

Esta página utiliza conteúdo de uma página da The Shadowhunters on Freeform Wiki.
A lista de autores pode ser vista no histórico da página.